Produtores de algodão recebem direção da John Deere no CTDT do Núcleo Regional Centro
08/12/2017

Produtores de algodão recebem direção da John Deere no CTDT do Núcleo Regional Centro

Cerca de 120 pessoas – entre produtores rurais, gerentes de fazendas, pesquisadores e representantes de revendas de máquinas John Deere – atenderam ao convite da Associação Mato-grossense dos Produtores de Algodão (Ampa) para um encontro com diretores da John Deere nesta sexta-feira (8 de dezembro), no Centro de Treinamento e Difusão Tecnológica do Núcleo Regional Centro, em Campo Verde (a 120 km de Cuiabá). O encontro contou com as presenças do ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, e do vice-governador Carlos Fávaro.

O tema principal da reunião foi a necessidade de os produtores e seus colaboradores solucionarem com mais rapidez eventuais problemas que afetam máquinas e implementos utilizados nas lavouras, com alto nível de tecnologias embarcadas. Ao abrir o debate, o presidente da Ampa, Alexandre Schenkel, resumiu a angústia de produtores (pequenos, médios e grandes) diante da situação que muitos enfrentam no dia a dia.

"Hoje o clima é o grande fator que determina o sucesso de uma lavoura e contamos com máquinas e implementos com alta tecnologia, porém temos que tirar o máximo de rendimento deles. Essas ferramentas não podem falhar", afirmou Schenkel. Seu depoimento foi reforçado por os de outros produtores como Eraí Maggi Scheffer, vice-presidente da Ampa, e Gustavo Berto, presidente do Núcleo Regional Centro, e também por representantes do corpo técnico de fazendas. Todos ressaltaram que, num estado da dimensão de Mato Grosso, o suporte técnico nem sempre chega com a rapidez necessária, considerando que o ritmo no campo é intenso para a realização de duas safras anuais, com o plantio de algodão pós soja.

O ministro Blairo Maggi fez questão de levar seu apoio à iniciativa do encontro, destacando que estava ali como produtor. "Precisamos tirar das máquinas tudo que elas têm a oferecer e, nesse sentido, a transferência de conhecimento e o treinamento de nosso pessoal são fundamentais", comentou Maggi, ex-presidente e fundador da Ampa.

Rodrigo Bonato, diretor comercial da John Deere Brasil, disse que as preocupações dos produtores mato-grossense e seus técnicos de campo são compartilhadas pela empresa.

"Como extrair o máximo de nossos equipamentos? Como fazer com que o operador extraia o máximo do equipamento? – indagou Bonato, que estava representando o presidente da John Deere Brasil, Paulo Herrmann, impossibilitado de vir a Mato Grosso por conta de um problema de saúde. Bonato enfatizou a importância de se qualificar pessoas que estão no campo e disse que o encontro desta sexta-feira, no CTDT de Campo Verde, é o pontapé inicial para uma parceria entre produtor, fabricante e concessionárias John Deere tendo como "integrador e articulador" o Instituto Mato-grossense do Algodão (IMAmt) – braço tecnológico da Ampa.

Ele antecipou que a John Deere estará lançando na Agrishow Ribeirão Preto em 2018 a "tecnologia de conectividade", que permitirá a funcionalidade remota do Service Advisor – software utilizado por técnicos da empresa para fazer o diagnóstico de uma máquina. Segundo o diretor, essa tecnologia facilitará e agilizará a solução de eventuais problemas já que permitirá o diagnóstico a distância.

Ao lado de Marcelo Lopes, gerente de Desenvolvimento de Concessionárias e Treinamento – América Latina, Bonato conheceu as instalações do Centro de Treinamento e Difusão Tecnológica do Núcleo Regional Centro, que tem infraestrutura semelhante à de outras unidades instaladas em cinco núcleos regionais da produção algodoeira de Mato Grosso (regiões de Rondonópolis, Campo Novo do Parecis, Sapezal e Sorriso/Lucas do Rio Verde). De acordo com Alvaro Salles, diretor executivo do IMAmt, um dos objetivos do encontro promovido nesta sexta-feira é traçar ações conjuntas para implantar centros de formação de operadores e mantenedores de máquinas John Deere utilizando a estrutura desses CTDTs.

Além de produtores de todos os núcleos regionais de Mato Grosso, participaram do encontro com a direção da John Deere representantes de entidades que já são parceiras da Ampa e do IMAmt na qualificação de mão de obra: o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/MT), representado pelo superintendente Otávio Celidônio, e o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso (IFMT), representado pelo professor Valentino Gomes Correia, coordenador do Laboratório de Pesquisas Aplicadas e pela diretor de Pesquisa, Inovação e Extensão, Sandra Raquel Moreira Silva.  O evento também contou com as presenças dos ex-presidentes da Ampa, João Luiz Ribas Pessa e Milton Garbugio. 

Fonte: Assessoria de Comunicação da Ampa

Foto: Acervo Ampa

Copyright © IMA - Instituto Mato-Grossense do Algodão.
Rua Eng Edgard Prado Arze, 1777 Ed. Cloves Vettorato - 2 andar Quadra 03
Setor A - Centro Político Administrativo
CEP: 78049-015
(65) 3321-6455/6482